Sagarana - Edição comemorativa 2017

JOãO GUIMARãES ROSA

Sagarana - Edição comemorativa 2017
Impresso

Sobre o livro

Apresentando a paisagem e o homem de sua terra, Guimarães Rosa fez de seu primeiro livro a semente de uma obra monumental, em que apresenta elementos que se tornariam uma espécie de marca registrada sua, tais como a matéria do sertão, a linguagem calcada na oralidade, com uso de regionalismos, arcaísmos, estrangeirismos adaptados e neologismos. O livro, escrito em 1937, foi publicado apenas em 1946 e levou “sete meses de exaltação e deslumbramento” para tomar sua forma inicial. Foi assinado, na época, sob o pseudônimo de Viator, que, em latim, significa “viandante”. Para o título, Rosa reuniu dois radicais de línguas distintas: o germânico “saga”, que significa “canto heróico”; e “rana”, de origem indígena, que quer dizer “à maneira de” ou “espécie de”. “O burrinho pedrês”, “A volta do marido pródigo”, “Sarapalha”, “Duelo”, “Minha gente”, “São Marcos”, “Corpo fechado”, “Conversa de bois” e “A hora e vez de Augusto Matraga” são as nove estórias narradas no livro, estórias que completam 70 anos com o mesmo vigor e novidade de quando vieram a público pela primeira vez.

Nome completo

J.K. Rowling (Autor Principal)

Nome completo

Maria Helena Rouanet (tradutor)

Nome completo

Izabel Aleixo (tradutor)

Nome completo

João Guimarães Rosa (autor)

Categorias

Outros

Assunto

  • Ficção

Selo

  • NOVA FRONTEIRA
Mar de histórias: No limiar do século XX
Antologia de histórias
Lúcia Machado de Almeida / Hernâni Donato / Viriato Corrêa / José Lins do Rego / Monteiro Lobato / Graciliano Ramos / Jorge de Lima / Elza Bebiano / Maria Clara Machado
O discurso do amor rasgado
William Shakespeare
Macunaíma
A hora e vez de Augusto Matraga
João Guimarães Rosa
O doente Molière
O recado do morro
João Guimarães Rosa
A vida gritando nos cantos
O médico e o monstro - Box Mestres do Terror
Novelas inacabadas: Os Watsons e Sanditon
Mar de histórias: Das origens ao fim da Idade Média
Mar de histórias: Do fim da Idade Média ao Romantismo
Mar de histórias: o Romantismo
Mar de histórias: do Romantismo ao Realismo
Mar de histórias: Tempo de crise
Meu destino é pecar
Não se pode amar e ser feliz ao mesmo tempo
O romance morreu
O buraco na parede
Amar, verbo intransitivo
<
>